dezembro 03, 2011

Justo, muito justo.


Você pode tentar querer calar as bocas, mas não pode cortar as mãos de quem escreve, nem tampouco tapar os olhos de quem lê. 

Você pode querer limitar meus passos, mas nunca poderá me proibir de sonhar.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

1. Voce é livre e responsável por seus comentários, todos serão publicados desde que devidamente assinados por seus autores, reservo-me o direito de excluir comentários com ofensas ou injúrias a quem quer que seja.
2. Devido a tantos comentários sem identificação, infelizmente somente publicaremos os comentários que atendam tais propósitos.
3. Ofereça seu ponto de vista, é muito importante.