dezembro 18, 2011

Os fantasmas do passado.

Alguns esquerdistas de ontem, que tempos atrás lutavam contra a mão de ferro de uma ditadura, hoje são a direita e fazem um governo mais forte e cheio de rancor que seus antigos algozes. 
Muitos que afirmam serem injustiçados, ofendidos, e até caluniados, esquecem que também usaram das mesmas ferramentas para derrubar uma ditadura que calava seus críticos de forma vergonhosa. Buscam através do poder que lhes foi dado e as custas do dinheiro do povo o resgate de sua honra supostamente arranhada. Estes tais que num passado não muito distante se juntavam aos bandos contra a tirania de um regime vergonhoso, agora pensam diferente, porque mudaram? o que será que mudou? Em que esquina ficou aqueles ideais.
O poder nos vicia e muitas vezes também cega, triste cena para ser a referência aos nossos. 
O  músico e vocalista do MPB4, Aquiles Rique Reis que estava lá nos protestos de uma época onde quem discordava era considerado subversivo, escreveu um carta para sua filha dias destes, abaixo um pequeno trecho.


"Filha, nunca desista de tentar modificar o que lhe parecer errado. Junte-se a outros e seja forte. Deixe que as ideias briguem, nunca as pessoas. Não se acanhe de chorar. Use a palavra. Busque o novo sem temer o velho. Repudie a arrogância e o preconceito. Não contenha uma exclamação de felicidade ante o belo. Seja feliz"  


Bom domingo a todos.


fonte: http://brasildiversificado.blogspot.com/2011/07/carta-tempos-da-ditadura.html

Nenhum comentário:

Postar um comentário

1. Voce é livre e responsável por seus comentários, todos serão publicados desde que devidamente assinados por seus autores, reservo-me o direito de excluir comentários com ofensas ou injúrias a quem quer que seja.
2. Devido a tantos comentários sem identificação, infelizmente somente publicaremos os comentários que atendam tais propósitos.
3. Ofereça seu ponto de vista, é muito importante.