julho 16, 2020

O erro foi deles

Curiosa a situação do coronavírus , li gostei e compartilho. (reflitamos)

Quando tudo ia bem, o mérito era do sistema de saúde robusto (Mandeta reinava), bem estruturado, totalmente eficiente, modelo para o mundo.
Quando a coisa começou a degringolar, a culpa passou a ser do povo, do empresário irresponsável, do empregado irresponsável, do cidadão irresponsável ...

Ora, fazendo hoje uma avaliação do ocorrido nos últimos três meses, os Governadores e os Prefeitos avalizados pelo STF são os responsáveis por fazerem toda a população, indiscriminadamente, "ficar em casa" em uma época em que o vírus mal havia começado a circular pelo Brasil.

Ficamos 90 dias, de clima ameno e seco (desfavorável ao vírus), quase parados, com baixíssimo número de contagiados por dia e com algo em torno de 25% de ocupação da capacidade hospitalar disponível (ou, 75% de ociosidade, tendo custo e não sendo utilizada).

Fizemos o que as autoridades públicas nos pediram!
Aconteceu o óbvio e o esperado: ficar em casa não imunizou ninguém !

O "fique em casa", aplicado a toda a população, só serve para uma coisa: postergar o contágio e não colapsar o sistema de saúde. Mas havia 75% de ociosidade !

Agora que o coronavírus está efetivamente circulando pelo país, e o clima está frio e úmido (favorável ao vírus), ninguém mais tem condições psicológicas e financeiras de "FIQUE EM CASA":
todos, empresários, empregados, autônomos, já gastamos nossas reservas ou já fizemos as dívidas que podíamos, e estamos no limite financeiro de "quebrar"; todos, população vulnerável e sadia, já fizemos o isolamento máximo possível e estamos no limite da sanidade psicológica a ponto de "enlouquecer"; e todos ficamos trancados em casa (aqueles que têm casa!), perdemos condicionamento físico, baixamos nossa resposta imunológica e estamos vulneráveis para "adoecer".

Ou seja, as decisões das nossas autoridades públicas elegidas pelo STF (governadores e prefeitos) nos deixaram quebrados financeiramente, enlouquecidos psicologicamente e debilitados fisiologicamente, e não nos imunizaram contra o coronavírus !!!
Tomar decisões em períodos de incerteza é difícil, é arriscado.
É até admissível que, nessas situações, as autoridades errem nas suas decisões.
Mas é inadmissível que tentem transferir para a população as responsabilidades de suas decisões erradas.

As decisões tomadas pelos Governadores e pelos Prefeitos, e seus Secretários, foram erradas, extemporâneas.

O ERRO FOI DELES e do STF.

A responsabilidade é deles, não do povo !
No nosso dia-dia, as nossas decisões são avaliadas pelos resultados práticos que produzem, não pelas nossas intenções; e os resultados práticos das decisões dos Governadores e dos Prefeitos são pífios, para não dizer, catastróficos (se elas nos conduziram a uma catástrofe). Se você duvida pesquise na internet sobre as diversas fraudes e superfaturamentos.

"E não há nenhuma menção de meia culpa nos discursos deles!”

E isto não chega lá fora, no exterior a mídia não conhece governadores e prefeitos. Lá só se fala do presidente atual mas o STF tirou a gestão do presidente, mas isto não importa. Então se você tem problemas você precisar saber para quem reclamar e deve reclamar com quem está gerindo esta crise, STF governadores e prefeitos, peça explicações a eles.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

1. Voce é livre e responsável por seus comentários, todos serão publicados desde que devidamente assinados por seus autores, reservo-me o direito de excluir comentários com ofensas ou injúrias a quem quer que seja.
2. Devido a tantos comentários sem identificação, infelizmente somente publicaremos os comentários que atendam tais propósitos.
3. Ofereça seu ponto de vista, é muito importante.